Destaques

Escritos açorianos: a viagem de retorno". 
Lisboa: Salamandra, 2003.

Neste livro, Luiz Antonio de Assis Brasil trata da literatura praticada pelos escritores açorianos pós-Revolução dos Cravos. Os autores estudados são: Álamo Oliveira, Carlos Tomé, Daniel de Sá, José Martins Garcia, João de Melo, Joel Neto, Onésimo Almeida, Urbano Bettencourt e Vamberto Freitas. Em apêndice, há um texto que compara "O tempo e o vento", de Erico Verissimo, e "Mau tempo no canal", de Vitorino Nemésio, bem como uma longa entrevista com José Martins Garcia.